Cão abandonado com bilhete de desculpas da dona ganha novo lar em SP

Na última terça-feira (24), um cachorro foi abandonado em frente a um mercado em Ponta da Praia (SP) com um bilhete dentro da coleira.

Nele, sua dona escreveu que não poderia mais cuidar do cão devido às dificuldades financeiras da família potencializadas com a chegada do novo coronavírus (Covid-19). No bilhete, havia também um pedido para o novo adotante: "tratar [o cachorrinho] com muito amor".

Felizmente, no mesmo dia, ele conseguiu um novo lar.

Foto: Reprodução/ Vivendo em Santos
Foto: Reprodução/ Vivendo em Santos

Quem o ajudou foi a cuidadora de cães Inêz Carla Filgueiras, de 58 anos. "As pessoas não saem mais de casa por conta da pandemia. Eu precisei ir ao banco e encontrei com ele. Senti que era minha missão mostrar a história e conseguir uma casa para ele", declarou.

Como já tem quatro pets em casa, Inêz não poderia levar mais um, mas decidiu ajudá-lo a conseguir um novo lar.

No bilhete deixado dentro da coleira, sua antiga dona pede desculpas por tê-lo abandonado e afirma que o cão é bastante educado e dócil. Na parte de trás, ela escreveu que o pequeno se chama T.J., e responde por este nome.

Sensibilizada pela situação do cachorro, Inêz enviou fotos dele para grupos de defesa dos animais, que viralizaram uma postagem nas redes sociais.

"Não deixaria o cão sozinho, tinha que saber que a história teria um desfecho", explica.

Menos de duas horas depois do post de T.J. se tornar viral, a auxiliar de enfermagem Francine Dias Oliveira Rosa, de 33 anos, decidiu adotá-lo.

Foto: Francine Dias Oliveira Rosa/ Arquivo Pessoal
Foto: Francine Dias Oliveira Rosa/ Arquivo Pessoal

"Sigo muitas páginas de proteção animal, mas não tinha um cachorro há nove anos, desde que o meu morreu. Só consegui adotar um gato nesse período. Sempre acompanhei as histórias, mas nunca acreditava que deveria adotar. Desta vez foi diferente, sabia que o T.J. deveria ir para casa", relata a auxiliar.

"Moro com minha mãe, meus irmãos e meu filho, e todos ficaram empolgados. Ele nos trouxe uma leveza", concluiu. T.J. se adapta bem à nova família.

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários