Husky é considerada heroína por ter salvo alpinista surda em trilha no Alasca

Uma cachorra da raça husky siberiano está sendo laureada como uma heroína por ter salvo a vida de uma mulher que se feriu gravemente enquanto fazia uma trilha em Anchorage, no Alasca, (EUA), no ano de 2018.

Nanook, de 7 anos, conseguiu puxar a alpinista Amelia Milling para fora do congelante rio Eagle, após a mulher ter caído de uma montanha, a uma altura de 700 pés (213 metros).

Foto: Reprodução Youtube / ABC News
Foto: Reprodução Youtube / ABC News

A estudante universitária Amelia Milling, 21 anos, é surda. Ela está sempre se desafiando a fazer coisas novas e emocionantes - e uma dessas aventuras consistia em conquistar as montanhas gigantes do Alasca.

Infelizmente, durante sua viagem solo, algo deu errado e ela caiu na encosta íngreme da montanha, indo parar no rio Eagle. Milagrosamente, Amelia não quebrou nenhum osso e ainda podia andar.

Foto:  Mia Milling / Facebook
Foto: Mia Milling / Facebook

Longe da trilha, precisou enfrentar a forte e fria correnteza, se agarrando a uma pedra, por onde ficou por uma noite inteira.

Foto: Reprodução Youtube / ABC News
Foto: Reprodução Youtube / ABC News

No dia seguinte, após muita luta para não ser puxada pela água, a jovem deu de cara com Nanook, que estava a observando no litoral, a algumas dezenas de metros dali.

O husky siberiano é o cão-guia da alpinista e por sorte notou que ela havia se ausentado naquela noite. “Se não fosse por ela, teria morrido naquele rio”, diz Amelia. “Ela não tardou em entrar na água e me tirar dali”.

Foto: Reprodução Youtube / ABC News
Foto: Reprodução Youtube / ABC News

A dupla conseguiu se desvencilhar da correnteza e correu até o carro, onde havia um sinalizador de emergência. No mesmo dia, uma equipe especial resgatou Amelica e Nanook, encaminhando-as para um hospital de Anchorage.

Ambas estão bem e mais, até fizeram amizade!

Foto:  Mia Milling / Facebook
Foto: Mia Milling / Facebook

Saiba mais assistindo ao vídeo abaixo:

Amelia Milling, não se contentou em não ter completado a trilha e um ano depois do ocorrido, ela retorna ao Alasca para completar a caminhada no Crow Pass e dessa vez não foi sozinha, foi acompanhada por três cachorros e seu amigo: seu herói husky Nanook, Ava, Argus e o seu amigo Roger. Dessa vez o grupo concluiu a trilha sem pormenores. Ufa!

Foto:  Mia Milling / Facebook
Foto: Mia Milling / Facebook

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários