Com medo de tempestades, pit bull se esconde em banheira e é consolada por amigo gatinho

Desconstruindo o mito que cães e gatos não se dão bem.

Não é novidade que os animais têm muito a nos ensinar, gerando empatia uns com os outros e sem esperar nada em troca, eles sempre nos passam lições grandiosas.

Há quem diga que cães e gatos são inimigos n° 1, mas com certeza não é o caso dessa dupla aqui, que não só se dá bem, como presta apoio um ao outro em momentos difíceis.

Foto: Instagram / motorcitymoose
Foto: Instagram / motorcitymoose

A doce pit bull Moose de sete anos é a filha mais velha da casa, mas isso não a impediu de acolher o gato Marvin quando ele chegou na família. Mesmo sem saber, o carinho estendido a Marvin, mais tarde seria retribuído.

"Marvin tem a personalidade de um cachorro, então eles tiram uma soneca e brincam juntos o dia todo”, diz Mary Barnes, dona dos animais.

A dupla vive em um apartamento localizado na cidade de Detroit, EUA, com a dona Mary Barnes que afirma, “eles se dão muito bem”. Além da companhia, eles sabem que podem contar um com o outro.

Foto: Instagram / motorcitymoose
Foto: Instagram / motorcitymoose

Apesar das muitas qualidades, Moose tem muito medo de barulhos fortes, especialmente raios e trovões, e para se sentir segura, a pit bull se refugia dentro da banheira.

Marvin sabe disso e em uma noite que houve uma tempestade realmente assustadora, ele foi até Moose que estava em seu esconderijo a fim de confortá-la.

"A noite passada foi a primeira tempestade realmente grande e longa que tivemos em Detroit desde que Marvin está conosco. Ele estava muito curioso e preocupado com a irmã mais velha", disse Barnes. Que amado, gente!

Foto: Instagram / motorcitymoose
Foto: Instagram / motorcitymoose

Mas a companhia não é temporária não, Marvin faz questão de verificar o tempo todo como a sua irmã está. "Ele foi e voltou com ela no chuveiro para fazer o check-in. Isso distraiu [Moose] da tempestade por um tempo, porque ela se inclinou para lhe dar beijos", conta a dona.

Que vínculo lindo, né? Os animais são realmente grandiosos!

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários