Cão rottweiler vira terapeuta de profissionais de saúde em hospital e viraliza

Loki tem sido um colírio para os cansados profissionais de saúde do Centro Médico da Universidade de Maryland, nos EUA, onde atua como cadela de terapia.

A cinoterapia (ou pet terapia) é um método que utiliza, em geral, cães coterapeutas em sessões de terapia de diversos pacientes, em variadas situações.

Foto: Instagram / dogtor.loki
Foto: Instagram / dogtor.loki

Cientificamente embasada, ela reduz o estresse, a ansiedade e os problemas cardíacos, sendo muito utilizada em crianças e idosos.

Foto: Instagram / dogtor.loki
Foto: Instagram / dogtor.loki

Como ‘cachorra-terapeuta’, Loki, uma rottweiler de 2 anos, tem atendido exemplarmente médicos e enfermeiros que atuam na linha de frente no combate à Covid-19 e no tratamento de pessoas infectadas.

Foto: Instagram / dogtor.loki
Foto: Instagram / dogtor.loki

Apesar da pandemia ter forçado os hospitais a restringir os cães de terapia por enquanto, a tutora de Loki arranjou uma maneira criativa dela continuar atendendo.

Com o auxílio do app FaceTime, a cinoterapia é realizada via videochamada.

Foto: Instagram / dogtor.loki
Foto: Instagram / dogtor.loki

“Eu nunca conheci uma cadela tão empática. É meio estranho. Houve muitas circunstâncias no hospital em que ela pressentiu que um paciente estava muito mal e precisava de um pouco de carinho e foi até ele, sem precisar de qualquer orientação”, disse Caroline Benzel, estudante de medicina e tutora de Loki ao site Good Morning America.

Caroline iniciou uma campanha online de doação de produtos de higiene e de beleza para o Centro Médico da Universidade de Maryland, mas a iniciativa foi tão bem-sucedida que ela expandiu as doações para hospitais de todos os EUA, com a benção de Loki, é claro.

Foto: Instagram / dogtor.loki
Foto: Instagram / dogtor.loki

Em questão de dias, mais de 4.200 kits, com álcool em gel, loções, shampoos e sabonetes foram recebidos. "A equipe ficou impressionada com a generosidade das pessoas", disse Benzel.

Foto: Instagram / dogtor.loki
Foto: Instagram / dogtor.loki

“Loki é uma cachorra muito querida. Fico feliz que ela tenha inspirado tantas doações”, concluiu.

Os profissionais de saúde agradecem.

Confira algumas imagens assistindo ao vídeo abaixo:

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários