Mesmo ferida, mãe felina enfrenta incêndio para salvar a vida dos seus cinco gatos filhotes

Por
em Notícias
A atitude surpreendeu até mesmo o Corpo de Bombeiros que lutava para combater as chamas.

Por amor, um animal é capaz de dar a sua vida por um filho - literalmente. Essa mamãe gata fez o maior dos esforços para salvar a vida dos seus cinco filhotes que ficaram presos em uma residência em chamas no Brooklyn, Nova York.

Quando os bombeiros chegaram eles se depararam com a mamãe felina Scarlett saindo da residência com um gatinho na boca, e a atitude da gata que por si só já surpreendera os oficiais, os deixou ainda mais chocados quando ela retornou para buscar os demais filhotes.

Scarlett retornou cinco vezes ao local para salvar todos os seus bebês, mas o resultado do seu heroísmo a deixou gravemente ferida. Os bombeiros agiram rapidamente para combater as chamas e poder dar a atenção devida à felina.

Embora os seus filhotes estivessem livres das chamas, ela estava bastante ferida, os olhos estavam fechados, as orelhas e as patas queimadas e os pelos muito chamuscados.

O processo deve ter sido bastante doloroso, mas mesmo assim, isso não a impediu de salvar a vida dos seus filhotes. Os animais estão sempre nos ensinando, não é?

Após combaterem as chamas, os bombeiros levaram todos os gatinhos ao veterinário, e infelizmente, um deles não sobreviveu. Já em atendimento, e sem poder enxergar naquele momento, a mamãe fez questão de verificar se os seus filhotes estavam bem e só se acalmou quando conseguiu cheirá-los.

Foram longos dias até que Scarlett se recuperasse e ainda assim, ela ainda carrega marcas do incêndio, como o formato dos seus olhos que sentiram o impacto das chamas, mas o mais importante é que ela está viva e saudável.

Todos os quatro filhotes de Scarlett encontraram lares para sempre. Quanto a essa mãe extraordinária, ela está indo muito bem. A Liga de Animais de North Shore ficou tão impressionada com sua bravura que eles criaram o Prêmio Scarlett de Heroísmo Animal.

Scarlett é um ser incrível, não é? Que sorte que esses gatinhos tiveram em tê-la como mamãe! Que todo esse amor seja retribuído a ela em dobro!

Veja o vídeo:

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com