Em Teresina, mulher encontra cadela presa a poste com pedido em plaquinha: 'Por favor, me adote'

Por
em Notícias

Na última sexta (17), moradores do bairro Acarape, em Teresina (PI), encontraram uma filhote abandonada, presa por uma corrente a um poste, onde foi deixada também uma placa com o pedido: “por favor, me adote”.

A autônoma Karla Lustosa decidiu abrigar a cachorrinha temporariamente. Ela ainda não tem um lar definitivo para morar. “Meu pai viu hoje pela manhã e me mandou um áudio, fui correndo ver”, disse ela.

Os moradores da Rua Jorge Cury, na Zona Norte da capital piauiense, batizaram a pequena de ‘Menina’.

“No momento ela está na casa dos meus pais, onde eu moro. Ela estava com muita fome, já alimentamos com ração, mas ela vomitou, acho que pela ansiedade de comer muito rapidamente. Acredito que foi abandonada de madrugada, porque de manhã cedo já estava amarrada no poste com a plaquinha”, disse Karla.

Karla disse que muito provavelmente os antigos donos da cadelinha a abandonaram por conta de dificuldades financeiras. Menina passa bem e está saudável.

“Acredito que o antigo dono abandonou porque estava passando por dificuldades, nessa pandemia, e acabou fazendo isso. Tem algumas pessoas interessadas, mas ainda vamos ver como vai ser”, disse ela.

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários