Cachorro border collie aceita tomar banho, mas com uma condição: sem molhar o bumbum

Por
em Notícias
Cheio de personalidade, o cão criou até mesmo uma técnica para evitar que isso aconteça, que é apoiar as patas traseiras na parede para molhar apenas as outras partes do corpo. Dá para acreditar?

Semelhantes aos humanos, os animais também costumam ter as suas peculiaridades e preferências, algumas, no entanto, acabam chamando a atenção devido a sua ‘estranheza’.

O cãozinho Oaken, que o diga, já que ele possui um hábito, um tanto quanto, característico. Apesar de adorar a hora do banho, Oaken recusa veementemente molhar uma parte do corpo. Você palpita que parte é essa? Acertou quem sugeriu o bumbum.

Para evitar molhar a região, o cão utiliza uma estratégia - muito personalizada - que é apoiar as patas traseiras na parede e molhar apenas as outras partes do corpo. Quem vê a cena questiona como ele aprendeu essa posição, mas a dona, Michaela Koch, afirma que ele faz isso desde que é um filhote. Isso que eu chamo de personalidade, hein!?

Apesar da cena, que acontece em todos os banhos, Michaela conta que depois da resistência, ele sempre acaba aceitando molhar o corpo inteiro. A resistência, no entanto, acontece apenas na hora do banho, porque segundo a dona, ele adora se molhar por completo na piscina da família.

Podemos chegar a conclusão que essa atitude faz parte do seu charminho que o torna peculiar, mas também muito especial!

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com