Miley Cyrus adota buldogue que vagava sozinha pelas ruas da Califórnia

Por
em Notícias

A adoção, que já é algo importante por si só, se torna ainda mais necessária durante o período de quarentena e a estrela Miley sabe disso.

Não é novidade como é grande o número de animais abandonados que vivem pelas ruas em várias partes do mundo. Por isso, a adoção é tão importante, já que são muitos os bichinhos que precisam de lares.

A estrela Miley Cyrus, solidária com essa realidade, teve uma linda atitude ao adotar uma cadela buldogue que vivia nas ruas de Fresno, na Califórnia. Ela vagava pela cidade, e em abril, a cadela que estava infestada de pulgas e desidratada, acabou parando em frente ao Corpo de Bombeiros, na esperança de ser notada.

Felizmente, foi o que aconteceu, pois depois de uma semana dormindo no local, um parente de um dos bombeiros concordou em acolhê-la temporariamente. Depois de uns dias, ela foi entregue aos cuidados do hotel The Wagmor Luxury Pet Hotel & Spa em Los Angeles, onde foi disponibilizada para adoção.

Veja o vídeo compartilhado pela instituição:

Miley, que já tinha uma relação com a instituição Wagmor por ter adotado outros cães em uma diferente ocasião, soube do caso da cadela e decidiu levá-la para a sua casa. Além de ser adotada por uma estrela, a buldogue ganhou o nome de outra famosa: Kate Moss.

Miley declarou, ainda, que ela é muito amorosa. “Ela não sai do meu lado. Eu não sei como, mas eu nunca a deixaria.” Das ruas para a elite, nada mal, né Kate? Que bom que tudo terminou da melhor maneira possível para essa mocinha!

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com