Dono faz 'terapia de piscina' em husky siberiano paralítico para ajudá-lo a voltar a andar e aliviar suas dores

em Notícias
Foram muitas as alternativas utilizadas em busca de aliviar a dor do cão, mas o tratamento na piscina não só ajudou a questão, como lhe devolveu os movimentos das patas.

Independente da sua crença, religião ou fé, é possível que você concorde que o milagre do amor é tão poderoso, que é capaz de transformar a vida de qualquer ser, assim como fez com esse husky siberiano - cujos nomes e cidade onde vive não foram divulgados.

Kane, um cão de grande porte e idade avançada, perdeu o movimento das pernas traseiras e o que poderia ser o seu fim, se transformou em uma nova possibilidade de vida. A paralisia de causa desconhecida passou a proporcionar fortes dores em Kane, o que poderia ser decisivo para sacrificá-lo, isso se, o seu dono não lhe amasse a ponto de lutar pela sua vida.

Embora os medicamentos não fossem capazes de aliviar as dores de Kane, o seu dono continuou buscando alternativas que pudessem ser eficazes para a sua condição, até que ele finalmente encontrou uma nova opção: terapia na piscina.

Seu dono passou a levá-lo em uma piscina local na esperança que a atividade fosse terapêutica para Kane, e na pior das hipóteses, ele teria algumas horas relaxantes de natação supervisionada.

Mesmo com expectativas positivas sobre o tratamento, nem mesmo o dono esperava que as sessões na piscina não só fariam bem para Kane, como seriam capazes de lhe devolver os movimentos das pernas paralisadas. Quem pode mensurar o quão especial isso é? Acredito que ninguém mais que Kane e o seu dono que lutaram tanto por tamanha conquista.

Atualmente, o husky siberiano, que inicialmente não tinha expectativa de sobreviver a uma cirurgia, consegue andar sozinho, sem nenhum tipo de apoio ou equipamento. Simplesmente surpreendente!

Veja o vídeo desse campeão:

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com