Gatinha que foi encontrada desidratada e sozinha não para de abraçar seu ursinho

Por
em Notícias

Uma gatinha que foi encontrada sozinha e chorando no celeiro de uma fazenda no interior de Indiana, Estados Unidos, encontrou conforto e segurança no colo de um ursinho de pelúcia.

Minúscula, com cerca de 10 dias de vida, Cricket, como foi nomeada, foi encontrada por uma fazendeira em sua propriedade.

Segundo o portal de notícias Animales Queridos, como a filhote precisava de cuidados específicos, especialmente pela questão da alimentação, a mulher contatou o centro de resgate de animais local, Catsnip Etc, para obter ajuda.

Enquanto esperava pelo resgate, a mulher a envolveu em um amontoado de palha para mantê-la aquecida. Além disso, ela procurou por outros gatos, mas não encontrou nenhum vestígio no local.

“Quando fomos buscar a gatinha, ela estava com fome, um pouco desidratada e coberta de pulgas”, disse Missy McNeal, voluntaria do Catsnip Etc.

Felizmente, a equipe estava ali para fazer de tudo para estabilizar a sua saúde e o bem-estar da filhote. E foi exatamente o que aconteceu.

Logo que chegou ao abrigo, Cricket recebeu todos os cuidados necessários e ganhou o seu primeiro presente: um urso de pelúcia. A pequena adormeceu em sua confortável cama aquecida, na companhia do ursinho que lhe servia de casaco.

Em pouco tempo, Cricket foi ficando nutrida, cheia de energia, livre das pulgas e confiante. Mesmo demonstrando carinho pelas pessoas que a resgataram, nada substituía o apego que ela tem pelo seu melhor amigo de pelúcia.

“Ela absolutamente ama seu ursinho de pelúcia. Ela está com ele desde o dia em que foi resgatada e vai a todos os lugares com ele. Seu ursinho de pelúcia é seu companheiro de abraço para dormir e faz com que ela se sinta mais segura”, conta Missy.

Além de acompanhá-la nas noites de sono, o ursinho está presente em momentos delicados, como a primeira ida ao veterinário para fazer vacina. Podendo abraçar o seu amigo, Cricket se sentiu mais segura.

Saudável, Cricket tem uma personalidade extrovertida e adora compartilhar bons momentos ao lado da sua mãe adotiva. Mas há uma coisa que nunca muda, que é o grude com o seu ursinho.

Enquanto aguarda por um lar definitivo, Cricket segue aproveitando o melhor da vida ao lado de pessoas dispostas a lhe darem muito amor, carinho e atenção para dar a ela.

Gatos e brinquedos

Os gatinhos adoram brincar, não importa a idade, desde filhote até a velhice. O brinquedo pode ser um fio de barbante a um ursinho de pelúcia que eles se satisfazem com a brincadeira.

Os felinos adoram brincar, a brincadeira é uma parte vital de sua saúde e desenvolvimento. A hora de brincar não apenas remonta aos dias na selva, quando eles tinham que perseguir, caçar e capturar suas presas, mas também os mantém exercitados, engajados e felizes também.

Existem muitos tipos de brinquedos para gato no mercado, mas não importa a escolha, o importante é o felino se divertir diariamente.

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com