Dono simula assalto para testar coragem de seu cachorro husky (vídeo)

Por
em Notícias

O proprietário de uma joalheria localizada em Chang Ma, Tailândia, decidiu fazer uma simulação de assalto para ver qual seria a reação do seu cão Lucky, da raça husky siberiano, no último dia 16. Na esperança que Lucky agisse como um cão de guarda e tentasse impedir o suposto assaltante, o dono Worawut Lomwanawong recebeu uma resposta oposta.

O cão, que estava deitado na porta, percebeu a entrada do falso ladrão com uma réplica de arma em punhos, mas o ignorou completamente para continuar o seu cochilo. As imagens registradas pelo circuito de câmeras do estabelecimento mostram o cão deitado, ignorando a presença do invasor - para o desespero do seu dono.

“Acabei de perceber que Lucky tem prioridades diferentes. Ele gosta mais de dormir do que de proteger nossa loja. Eu tentei treiná-lo sobre o que fazer em casos como este, mas ele apenas dormiu durante a nossa simulação. Se fosse um roubo de verdade, eu estaria morto. Ele provavelmente deixaria o ladrão se lhe oferecessem guloseimas”, afirmou Worawut.

Embora o propósito de tê-lo como segurança não tenha saído como o planejado, segundo o Daily Mail, o dono afirma que Lucky é dono de muitas qualidades que se sobressaem sobre a sua postura - ou a falta dela - como cão de guarda.

“Eu o chamei de Lucky porque ele me traz sorte. Talvez seja esse o propósito dele, fazer todos ao seu redor felizes e não proteger lojas”, concluiu Worawut.

Veja o vídeo:

É, Worawut, parece que não se pode ter tudo! Mas ter o Lucky por perto já parece ser muito, não é mesmo?

Vídeo: curiosidades sobre o husky siberiano

A raça husky siberiano é muito inteligente, independente e muito geniosa, adora teimar com o dono. Eles adoram companhia, participando ativamente no dia a dia do seus donos. Sua personalidade é dócil, então não queira encontrar nessa raça um cão de guarda.

O canal do YouTube voltado para conteúdo do reino animal, Perito Animal, traz a história, curiosidades e cuidados com essa raça. Confira!

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com