Gatos morrem durante vôo e empresa diz que animais não passam de "uma bagagem"

Após a repercussão do caso, inúmeros usuários da empresa aérea levantaram reclamações sobre suas experiências

Uma preocupação para quem viaja com seu pet, especialmente em avião, é a maneira com que os animais são conduzidos. Recentemente, um vôo que partiu de Nova York chegou ao destino, Sofia (capital da Bulgária), com uma situação nada agradável para os donos.

Dos três gatos que viajavam no compartilhamento interno, dois foram encontrados mortos. Os animais acabaram morrendo de frio e o único sobrevivente estava quase indo para o mesmo caminho.

Os contêineres que os animais foram transportados também estavam visivelmente danificados e quebrados.

O dono dos gatos, Maksim Tchumatchenko, exigiu que uma investigação fosse feita, com base na lei de maus-tratos aos animais.

A empresa aérea Aeroflot, se manifestou e terceirizou a culpa sobre o ocorrido, dizendo que a culpa era da empresa responsável pela transferência de bagagens.

A desculpa no entanto, não convenceu e muitos usuários dos serviços acabaram dando seus feedbacks pela internet, dizendo que também haviam passado por experiências negativas com a empresa. Um dos relatos, uma mulher disse ter 'perdido' seu cachorro em um vôo.

A resposta dos funcionários? "Seu cachorro é uma bagagem para nós, e parece que a deixamos em Moscou". Apesar da má vontade da empresa, a mulher pôde reencontrar seu cão após 12 horas, exausto e assustado.

Se depender da empresa, parece que nada vai mudar, então o dono dos gatos mortos está em busca de mudanças sobre as regras de transporte dos animais e levantou um movimento na internet em busca de apoio.

Gente, que absurdo! Tomara que esse movimento alcance as mudanças pretendidas!

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo.
Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários