Luisa Mell salva cão com grave ferimento no rosto: "Hoje achei que não ia aguentar"

Por
em Notícias
A suspeita é que tenham jogado ácido no cachorro.

Existem casos em que a maldade humana é realmente assustadora. Um cãozinho foi resgatado pela ativista e protetora de animais Luisa Mell, em um estado deplorável. O cachorro foi encontrado com a face toda machucada, em carne viva e, segundo Luisa, a suspeita é de que tenham jogado ácido no cão, que sem receber tratamento, acabou formando bicheiras nas feridas, causando ainda maior sofrimento no animal.

Apesar de toda essa crueldade, felizmente o cachorro foi resgatado pela ativista, que conta com doações para seguir os tratamentos com os animais, sendo esse, um deles.

O relato compartilhado na página do Facebook da Luisa, no dia 11 de março, já teve mais de 2 mil compartilhamentos e a ativista pede contribuição de ajuda, para prosseguir com o tratamento desses casos.

Confira a publicação de Luisa:

"Hoje achei que não ia aguentar... faz tantos anos que faço esse trabalho, já vi tanta maldade... Mas o caso de hoje se superou. Até evitei postar de perto (nos stories eu postei) pois é muito forte. Nossa veterinária acha que jogaram ácido nele e depois bicheiras se formaram nas feridas abertas. Tão difícil lidar com tanta maldade. Até hoje, não consigo acreditar que alguém é capaz de tanta crueldade. Amigos, por outro lado, agradeço a cada um de vocês que me ajudam. Eu não aguentaria viver, se não pudesse ajudar quem está sofrendo tanto."

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Últimas histórias