Pit bull que sempre sofreu preconceito se derrete ao receber carinho pela primeira vez em abrigo

em Notícias

Um simples gesto de atenção e carinho é capaz de transformar uma vida.

Paradigmas impostos pela sociedade de que algumas raças são perigosas, acabam impedindo que animais cheios de amor possam ser adotados e receber todo o carinho que eles merecem. Infelizmente, essa é uma realidade que muitos animais sofrem.

Foi com esse pré conceito que esse pit bull foi recebido em um abrigo na cidade de San Bernardino, Califórnia (EUA). Lá, o animal foi tachado de agressivo por ser da raça que é, e por isso, ninguém se aproximava dele para fazer carinho.Até que um dia um voluntário fez carinho nele. Ali se construía um laço de amor e amizade, e a postura do animal mudou completamente, fazendo com que ele se derretesse com o gesto, afinal, quem não precisa de carinho?

Maria gravou o momento e compartilhou nas redes e o vídeo rapidamente acabou conquistando muitas pessoas, que souberam da existência do dócil cão e demonstraram interesse em adotá-lo. Felizmente, foi o que aconteceu e o cão solitário ganhou um lar para chamar de seu e ganhar tudo de bom que ele merece!

Assista o vídeo e se apaixone também:

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com