Cuidando de 90 cães, homem enfrenta dificuldades de alimentá-los durante quarentena

As razões são óbvias: sem poder sair para trabalhar, o homem não tem dinheiro para comprar alimentos. Agora ele conta com doações para que os animais não fiquem desamparados.

Ajudar quem tanto precisa, também tem um preço. O jovem Edwin Salvando Huellas que vive no Peru, adotou 90 cachorros de rua nos últimos anos, com a atitude, no entanto, o homem tem se deparado com um conflito: a questão financeira para alimentá-los.

Foto: Facebook / Edwin Salvando Huellas
Foto: Facebook / Edwin Salvando Huellas

Com a quarentena e sem poder sair de casa, Edwin tem encontrado grandes dificuldades em gerar renda e consequentemente, alimentar todos os cães.

O peruano tem pedido ajuda nas suas redes sociais para que as pessoas se mobilizem e os adotem, pois assim, além de encontrarem um lar, os cães terão a garantia de que serão alimentados.

A ajuda também equilibra a situação de Edwin que se vê sobrecarregado no momento e teme não conseguir alimentá-los. Em um vídeo publicado em seu Facebook ele afirma: “Há 90 cães que gostariam de ser adotados. A verdade é que eu não posso mais. A comida está acabando e não podemos mais. Eu gostaria de pedir seu apoio. Se você quiser adotá-los, vá em frente. Eu também estou um pouco delicado em saúde, então não consigo lidar com tudo “, diz.

“É muito difícil alimentar 90 filhotes e não posso mais dar a eles a comida necessária por razões econômicas. Agora, se você pudesse me apoiar para continuar e para que esses filhotes possam comer”, completa.

Foto: Facebook / Edwin Salvando Huellas
Foto: Facebook / Edwin Salvando Huellas

É uma situação realmente muito delicada, pois apesar de ter amor, carinho e espaço para os cachorros, questões como a alimentação acabam se sobressaindo e dificultando o momento.

Ao ver o vídeo, algumas pessoas já entraram em contato com Edwin e doaram alguns alimentos, mas ele precisa que essa corrente cresça para que a ajuda permaneça e os cães não fiquem desamparados.

Foto: Facebook / Edwin Salvando Huellas
Foto: Facebook / Edwin Salvando Huellas

Esperamos de coração que depois de toda assistência e ajuda que Edwin prestou a esses animais, retorne com doações alheias!

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários