Gato foge de casa todas as noites para poder dormir com seus vizinhos

Sempre que o clima está agradável, John e Alex Sanders, de Melbourne, Victoria, na Australia, costumam deixar a porta dos fundos de sua casa aberta para que o ar flua para dentro, eliminando a necessidade de deixar o ar condicionado ligado.

Em um desses dias, eles tomaram um susto ao acordar com um gato dormindo em sua cama, sobre eles. "Ele entrou como se fosse o dono do lugar", brincou John em uma entrevista ao portal The Dodo.

Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders
Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders
Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders
Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders

Ao checarem a coleira do felino, eles descobriram que seu nome era Tigger e que ele morava logo ali, na casa ao lado. John e Alex entraram em contato com a família do bichano, que lhes informou que ele é assim mesmo: adora fugir de casa para explorar o bairro - e seus moradores.

“Depois daquela noite, Tigger voltou no dia seguinte e desde então todos os demais dias”, relata Alex.

Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders
Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders

Não que isso seja um problema: o casal adora a companhia quase sempre inesperada do gatinho. De fato, após tantas visitas, ele já é considerado da família.

“[Tigger] costuma vir mais entre as 21 e 23 horas da noite - e acaba dormindo aqui. De manhã, Alex se despede dele e vai para o trabalho - enquanto Tig volta pra casa”, conta John.

Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders
Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders

"Seus donos disseram que Tig realmente faz o que ele quer e ele nos escolheu", diz Alex.

"Eles disseram que estão felizes que o gatinho passe a noite conosco, uma vez que nossa casa é quente e segura, diferentemente das ruas”.

Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders
Foto: Arquivo Pessoal / John Sanders

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários