No Paraguai, taxista fascina clientes por realizar corridas com a presença da sua cadela

O serviço, nada convencional, conquistou um dos clientes que resolveu compartilhar a história em suas redes sociais e fez o maior sucesso.

Muitos donos gostariam de poder levar os seus cães para o trabalho, o que, infelizmente, não é possível em 90% dos casos. Mas não é impossível quando você é dono do próprio negócio, como é o caso do motorista de táxi, Cláudio.

Cláudio fornece seus serviços como motorista de táxi no Paraguai e, há três anos, desde que adotou a sua cadelinha chamada Princesa, ele a leva como a sua co-pilota oficial durante as corridas.

Foto: Facebook/Claudio Gabriel  D Oliveira
Foto: Facebook/Claudio Gabriel D Oliveira

Além da canina ser muito sociável e dócil, os passageiros se surpreendem positivamente com a presença dela, que não é nada comum. Uma dose de alegria durante as corridas que podem ser cansativas, especialmente se for após uma viagem.

Um dos passageiros de Cláudio ficou tão fascinado com o caso, que resolveu reportá-lo em seu Facebook.

Foto: Facebook/Claudio Gabriel  D Oliveira
Foto: Facebook/Claudio Gabriel D Oliveira

“A mais bela motorista de táxi da noite, essa fiel amiga chamada Princesa, acompanha seu dono por aproximadamente 3 anos a cada noite de trabalho durante suas turnês”, relatou Claudio Gabriel D Oliveira em seu Facebook.

A postagem encantou e animou muitos internautas que demonstram interesse em fazer uma corrida com a dupla promissora. Que bacana! Vai que a moda pega, não é?

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários