Trupe de cachorrinhos se dedica a cuidar de gatinha recém-nascida: ‘Agem como irmãos dela’

A ideia de que cães nascem inimigos dos gatos é um grande engano já que não existe "gene do ódio" que favoreça a rivalidade entre as duas espécies. Eles podem sim estabelecer laços fraternos e agirem como verdadeiros amigos. Histórias assim são o que não faltam aqui no Amo Meu Pet.

A história da americana Beth Walden e seus pets de estimação também são prova viva da amizade que cães e gatos podem estabelecer se tiverem a oportunidade certa.

Recentemente, ela ficou sabendo através de uma publicação no Facebook que estavam precisando de alguém para cuidar de uma gatinha abandonada.

Foto: Instagram / mr_tiny_pants
Foto: Instagram / mr_tiny_pants

Apaixonada por animais, especialmente cachorros (ela tem 3 em casa), Beth decidiu acolher a pequena. Ao levá-la para casa, veio a surpreendente recepção dos seus cãezinhos…

Carinhosos que só eles, eles queriam lamber a filhote a todo custo, mas foram interrompidos pela mulher. “Se eu tivesse deixado, teriam deixado a gatinha toda molhada de tanto lambê-la!”, brincou.

Foto: Instagram / mr_tiny_pants
Foto: Instagram / mr_tiny_pants

Mais tarde, Beth decidiu batizá-la com o nome de Frenchie.

Com o passar dos dias, ficou claro que os cães se tornaram os guardiães e melhores amigos da gatinha. “Eles vêm correndo quando ela mia“, afirma Beth.

Foto: Instagram / mr_tiny_pants
Foto: Instagram / mr_tiny_pants

De início, a filhote aparentava estar procurando sua mãe e seus irmãos biológicos andando pela casa, curiosa - mas com a ajuda de Beth e seus cachorros, logo o animal conseguiu se adaptar à nova família.

Foto: Instagram / mr_tiny_pants
Foto: Instagram / mr_tiny_pants

“Estou dando o meu melhor para garantir que tudo o que faço a partir de agora seja satisfatório para ela”, disse Beth.

Foto: Instagram / mr_tiny_pants
Foto: Instagram / mr_tiny_pants

Em questão de dias, Frenchie cresceu e ganhou peso: chegou com 113 gramas e já pesa 510 gramas.

O passado de solidão e falta de cuidados ficou para trás, a medida que a gatinha se integra à sua nova família e seus inusuais irmãos de coração.

Confira algumas imagens assistindo ao vídeo abaixo:

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários