Vira-lata caramelo 'invade' sede do Detran-MS para aproveitar ar-condicionado

Por
em Notícias

O calor incessante dos últimos dias tem castigado a população de Campo Grande (MS), inclusive os cães em situação de rua da cidade.

Na última quinta-feira (8), um cãozinho vira-lata invadiu a sede do Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran-MS) para aproveitar o ar-condicionado da instituição. Errado ele não tá!

A cena deu o que falar na cidade, indo parar nos assuntos mais comentados nas redes sociais.

De acordo com Rubia Amorim, que trabalha como instrutora de trânsito, o departamento estava vazio naquela tarde, permitindo que o cachorrinho pudesse dormir tranquilamente sem ser incomodado.

Ele vive em situação de rua e costuma dormir nas redondezas, tendo a sede do Detran como lar.

“Ele mora lá. Perguntei para o guarda ‘e esse moço aí? ’, e ele me respondeu dizendo que fazia umas 2 horas que já estava dormindo. Achei muito legal a atitude deles de não incomodar ou fazer mal”, disse Rubia.

Na mesma semana, só que em Ribas do Rio Pardo, a cerca de cem quilômetros da capital sul-matogrossense, um doguinho também decidiu relaxar e dormir debaixo de um ar-condicionado em uma agência bancária da cidade.

Onda de calor

Os termômetros resistem em dar trégua na região Centro-Oeste.

Na semana passada, os municípios de Água Clara e Coxim quebraram um recorde histórico ao registrarem 44,1°C.

Segundo o INMET, Instituto Nacional de Meteorologia, essa é temperatura mais alta registrada no estado há 38 anos.

O que acontece quando o cachorro fica muito exposto ao calor?

A exaustão por calor, também chamada de hipertermia, ocorre quando a temperatura corporal do seu animal de estimação sobe acima de uma faixa saudável e ele é incapaz de regular o calor do próprio corpo. Essa condição varia desde uma leve exaustão pelo calor, que pode ser tratada em casa, até uma forte insolação, quando o animal pode perder a consciência, ter febre alta ou até mesmo falência de órgãos.

Como os cães arfam principalmente em vez de suar, eles são muito mais sensíveis ao calor do que os humanos. Felizmente, a exaustão pelo calor é facilmente evitável - mesmo nos dias mais quentes de verão. Evite passear com seu cão nos dias e horários mais quentes, deixe água fresca de fácil acesso e mantenha-o em lugar fresco e arejado.

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Últimas histórias