Por que os cães às vezes inclinam a cabeça? - A Ciência explica!

Por
em Notícias

É tão fofo quando um cachorro inclina levemente a cabeça, como se estivesse confuso ou curioso sobre alguma coisa, né?

Alguns cães inclinam a cabeça quando pronunciamos alguma palavra que lhes soa agradável, como ‘parque’, ‘passear’, ‘comida’ ou ‘biscoitinho’. Mas porque eles respondem fisicamente desta forma?

Motivos

Segundo o Cesar's Way, de acordo com especialistas, existem vários motivos para a inclinação. Uma das razões é simplesmente para que possam ouvir melhor.

De forma semelhante ao Lobo Mau no conto de fadas clássico "Chapeuzinho Vermelho", quando seu cachorro está inclinando a cabeça, é a maneira dele dizer: "Estou tentando ouvir você melhor, minha querida".

Quando os cães inclinam a cabeça, permite que eles ajustem o ouvido externo para focalizar melhor a localização e a distância de onde o som está vindo. Portanto, se você sair com seu cachorro e ele inclinar a cabeça, pode ser que estejam em uma área particularmente barulhenta e estejam tentando localizar um determinado som que os intrigou.

Obstrução visual

Outra razão sensorial pela qual seu cão pode inclinar muito a cabeça - seja na sua direção ou não - é porque ele quer ser capaz de vê-lo melhor. Os cães contam com nossas expressões faciais e linguagem corporal para entender melhor o que estamos tentando transmitir a eles. Portanto, se eles não podem nos ver, tampouco nossas expressões, então eles não podem dizer qual é o nosso humor no momento. Muitas vezes, cães com focinhos maiores precisarão inclinar a cabeça para focar melhor o que está à sua frente. Basicamente, para nós é fofo, mas para eles, é apenas uma tentativa de desfazer uma obstrução visual.

E, por fim, uma das outras razões para a inclinação da cabeça do cachorro é uma resposta fisiológica à comunicação. Como donos de cães, provavelmente vemos mais isso quando falamos diretamente com nossos animais de estimação.

Eles estão tentando identificar o que estamos dizendo a eles e, como resultado, eles parecem absolutamente adoráveis ​​no processo. Embora nossos cães não sejam fluentes em ‘humanês’, eles podem entender palavras-chave como "passear", "banhar" ou "brincar", e a inclinação da cabeça é apenas uma forma de filtrar as outras palavras que não entendem, mas gostariam de compreender.

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.