Cães destroem todos os anos a árvore de Natal, mas desta vez dona encontrou uma maneira de protegê-la

Ao que tudo indica, a árvore deste natal estará segura. Até agora.

Por
em Notícias

Desde que adotou os cães resgatados Scoop, Zoey, Chloe e Chancey Boy, Brenda Hofstad Hughes nunca mais conseguiu manter uma árvore de natal intacta.

Isso porque, os cães ficam extremamente ansiosos quando Brenda sai de casa e como maneira de extravasar a ansiedade, eles destroem tudo o que veem pela frente. Claro, isso inclui a árvore natalina.

“Sempre que saio de casa, eles rasgam tudo o que conseguem e, quando estou em casa… sou a zona de conforto deles”, disse Brenda ao The Dodo. “Todos eles AMAM as pessoas (exceto o carteiro) e TODOS dormem na nossa cama.”

Cansada de juntar os destroços das árvores, Brenda decidiu investir em uma cerca de aço que lhe custou cerca de 200 dólares para manter a árvore deste ano, protegida.

A iniciativa deixou os cães intrigados que, sem entender, estão afastados dos galhos luminosos - e alvo de ataque durante as ansiedades. Bem, pelo menos o natal deste ano estará seguro. Por enquanto.

Cães e a decoração natalina

Quem não passou pela experiência na época de Natal de decorar a casa e em poucos instantes ser destruída pelo animal de estimação, não sabe o que é o sentimento de frustação, mas como amamos os nossos animais relevamos a situação.

Os animais de estimação adoram encontrar algo novo para transformá-lo em brincadeira, então arrancar galhos da árvore, destruir as bolinhas, se enrolar na iluminação e quebrar o presépio é uma diversão para eles. E o caos para nós.

Então para evitar o máximo de danos certifique-se de que todos os itens quebráveis ​​ou enfeites e decorações perigosas não estejam nos galhos mais baixos; coloque-os fora do alcance do animal de estimação. Outra dica é tornar a área ao redor da árvore pouco atraente ou intransitável: colocando papel alumínio ao redor (eles não gostam de pisar e ouvir o som), tapetes pegajoso ou fixar fita dupla face ao redor (eles não gostam da sensação do grude).

Esperamos que sua árvore de natal se mantenha intacta até o final e caso não, a solução é dar risada da situação. Boas festas!

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Últimas histórias