Galinha adota e protege ninhada de cachorros recém-nascidos que encontrou e encanta a web (vídeo)

Por
em Notícias

Em um vídeo viral divulgado no TikTok, na conta @guiizojunior, do usuário Guiizo Junior, que mora em Tubarão, Santa Catarina, uma galinha é vista protegendo uma ninhada de cachorrinhos recém-nascidos.

“Olha só gente, a galinha adotou os filhotes”, comenta ao fundo um jovem que capturou o vídeo e publicou na rede social.

A filmagem rapidamente viralizou, acumulando 15 mil curtidas e 300 comentários em poucos dias.

Na seção de comentários do post, internautas elogiaram o senso de maternidade da galinha e a fofura dos filhotes.

"O pintinho querendo entrar no meio dos cachorrinhos... Muito fofo!", disse um usuário.
"O amor de mãe não tem raça. Nós, humanos, precisamos aprender muito com os animaizinhos", afirmou outra.
"Se o ser humano tivesse um terço do amor que os animais têm, teríamos um mundo muito melhor", comentou outro internauta.

Confira o vídeo abaixo:

As mamães e outras espécies

As galinhas são conhecidas por serem boas mães. Além de cuidarem dos seus pintinhos, elas aceitam os filhotes de outras galinhas, assim como de outras espécies.

Esse comportamento se dá não somente com as galinhas, mas também com outros animais mamíferos, os cientistas acreditam que o motivo para esse comportamento seja: instinto, benefício mútuo, companheirismo social, desde que não seja superado pela competição [ou] ameaça e pelo fato que essas adoções ocorrem quando uma mãe que amamenta acolhe um jovem órfão.

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.