Jovem deficiente visual sofre tentativa de furto de sua cadela-guia em parque

Por
em Notícias

A dona da cadela-guia Willow, uma cruza de labrador e golden retriever, levou um grande susto quando um homem se aproximou e tentou roubá-la. A estudante universitária Maisy McAdam, de 23 anos, enxerga parcialmente, por isso Willow é fundamental para ajudá-la no dia a dia, mas ela sofreu uma tentativa de furto enquanto as duas estavam em um parque, no Reino Unido.

Um homem se aproximou e, sem falar nada, tirou a coleira de Willow para colocar outra, o que ele não contava era que Maisy estava atenta à movimentação. Segundo o portal de notícias Mirror, a jovem questionou o indivíduo, momento que ele ficou assustado e acabou fugindo.

Apesar da tentativa ter sido frustrada, Maisy ficou profundamente abalada com a situação, afinal, mais do que uma guia, Willow é realmente importante para ela.

“Sinto-me mal com o que poderia ter acontecido. Estou preocupada porque Willow é tão amigável com as pessoas que ela não perceberá até que seja tarde demais”, disse a jovem.

Maisy saiu do local imediatamente e relatou o ocorrido à polícia. No entanto, ela se mostra receosa em sair novamente sozinha com a pet.

"Agora estou bastante nervosa de sair e provavelmente irei andar mais com meu parceiro também. Ela é a melhor, eu sei que sou tendenciosa, mas ela realmente é. Ela me deu muita confiança, não apenas para viajar sozinha, mas para conhecer novas pessoas e falar por mim mesma”, declarou.

Os roubos e furtos de cães cresceram exponencialmente no último ano e isso acontece devido à alta procura por cães em tempos de isolamento social. A polícia segue investigando o caso, enquanto protetores de animais classificam o episódio como ‘nojento’.

“Esta é a primeira vez que ouço falar de um ladrão de cães tentando roubar um cão-guia. É absolutamente nojento. O quão baixo alguém pode descer? Isso mostra que os roubos/furtos de cães estão fora de controle neste país. A lei precisa ser mudada agora com sentenças mais duras para furto de cães”, disse Debbie Matthews, 65.

Debbie fundou a Vets Get Scanning depois que seus cachorros Widget e Gizmo foram sequestrados. Felizmente, graças a um apelo do seu falecido pai, o apresentador de TV Bruce Forsyth, eles foram devolvidos.

A importância do cão-guia

O cão-guia tem como função ajudar uma pessoa cega a compensar a perda da visão e auxiliar na mobilidade permitindo que chegue ao destino com maior velocidade e confiança, localizando obstáculos como degraus e valas e evitando-os. Quando você ver uma pessoa com deficiência visual acompanhado do seu cão-guia em algum estabelecimento, respeite-o, pois o cão está trabalhando e não passeando.

Richard Rasmussen, biólogo e apresentador, foi convidado pela Baw Waw, fabricante de alimentação pet, a falar sobre o dia a dia e o treinamento desses animais. Confira!

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com