Gato grande se une a filhotes para se alimentar: 'Quando você tem 30 anos e ainda não saiu da casa dos pais'

Por
em Gatos

Se ninguém percebeu que há um intruso na foto, eu é que não vou atrapalhar. Alguns segundos da sua atenção para essa foto bastam para perceber que há um gatinho maior que os demais.

A mamãe felina, no entanto, não parece se importar com isso, tampouco os irmãos mais novos. O registro foi feito pela dona dos animais, Geizy Vasconcelos, de Beruri, Amazonas, e compartilhado no grupo ‘Meu dono é um maluco’ do Facebook.

“Algo de errado não está certo kkkkkkk. O Branco maior ela adotou, e ele ama os irmãos mais novos dele”, escreveu Geizy na legenda.

A foto foi compartilhada no último dia 3 no grupo que conta com 137 mil integrantes. A cena, é claro, despertou a atenção - e o humor - dos internautas.

"Quando você tem 30 anos e ainda não saiu de casa"; “Eu com 12 anos e ainda mamava kkkk”; “Só ele suga todo o leite dos outros 3 kkkk”; “Eu tenho um gato que adora mamar na minha cachorrinha bebe”, foram alguns dos comentários deixados na publicação.

É, parece que essa cena é mais recorrente do que imaginamos.

Vídeo: adaptando um gato com outro gato

Ao contrário da família felina citada na matéria, a maioria das vezes o gato residente não aceita a presença de um novo gato na família. É necessária muita paciência por parte do dono para evitar conflitos durante a apresentação.

O Perito Animal, canal do YouTube com conteúdos elaborados por especialistas voltados para o reino animal, traz dicas para a socialização dos felinos serem o menos traumático possível. Confira!

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com