Mulher é ameaçada com taco de beisebol por ex-namorado que exigia guarda de papagaio

Por
em Notícias

Quando comprou o seu papagaio chamado Custard, Lena Nixon, 23, não imaginava que mais tarde isso a levaria ao tribunal contra o seu, até então, namorado.

Lena vive em Rhyl, norte do País de Gales, e decidiu comprar Custard para se distrair dos seus problemas com o álcool.

Segundo o portal de notícias Metro, na ocasião, Lena morava com o seu namorado, Kaya Colakoglu, 28, mas após uma discussão, que ela afirma que ele foi agressivo, a jovem fugiu com o seu papagaio e foi para a casa de uma amiga.

Em seguida, Kaya apareceu no local e começou a ameaçá-la com um bastão exigindo a guarda de Custard. Com a negativa, Kaya quebrou uma janela deixando a amiga de Lena ferida com os cacos de vidro.

“Nós duas estávamos apavoradas e imploramos para ele parar, mas ele não estava ouvindo. Ele estava gritando coisas sobre o meu papagaio Custard e como ele pertencia a ele e ele o queria. Eu nunca o tinha visto tão zangado”, afirmou Lena.

Lena conseguiu chamar a polícia e Kaya foi preso. Mesmo ele se declarando culpado sobre a agressão, danos criminais e sobre portar uma arma, no julgamento ele foi isentado da prisão.

O juiz Huw Rees, responsável pelo caso, disse que o casal tinha um bom relacionamento, portanto pouparia Kaya da prisão. Ele apenas recebeu uma sentença de suspensão de 10 meses e uma ordem de restrição de três anos para ficar longe da Lena.

A decisão, no entanto, deixou a mulher preocupada sobre a sua segurança e do seu papagaio Custard.

“Cada novo dia traz um tormento emocional por causa do que ele fez. Acho difícil confiar nas pessoas. Estou tão feliz por eu e meu papagaio conseguirmos ter fugido dele”, declarou Lena

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com