Gato que acompanhou dona durante estudos comemora sua formatura em Arquitetura e Urbanismo

Por
em Gatos

Como se não bastasse resgatar e cuidar do gato Tigrão, de 10 anos, a jovem Tainá Brilhante, que mora no Rio de Janeiro, também colocou o seu felino para "estudar". Afinal de contas, é importante investir no futuro dos filhos, não é mesmo?

Em uma postagem feita no dia 17 de março no grupo ‘Grupo onde fingimos ser gatos planejando dominar o mundo’, que tem como regra falar apenas como um gato, Tainá compartilhou uma foto da formatura do Tigrão, que agora é um "profissional da Arquitetura e Urbanismo". Além disso, para comprovar que não foi só pose para foto, Tainá compartilhou uma imagem do felino estudando.

Confira a declaração do Tigrão sobre a sua formatura:

“Há 10 anos escravizo essa humana, eu era remelento de rua, essa família me tirou da raparigagem, cortaram meus bagos, me obrigaram a estudar e agora estou me formando em Arquitetura e Urbanismo. Meu plano sempre foi dominar o mundo, não sei como essa faculdade vai me ajudar, mas não podia recusar os estudos e parecer ingrato. Em anexo, fotos que comprovam a veracidade dos meus estudos, foram muitas madrugadas de projeto”.

Ah, talvez eu tenha esquecido de mencionar que a sua dona, a Tainá, também se formou no mesmo curso. Coincidência, né?

A postagem ganhou a internet nos últimos dias, com 3 mil curtidas e quase 300 comentários. As fotos foram compartilhadas por centenas de pessoas que replicaram a postagem e o texto da autoria do Tigrão, digo, da Tainá. Muito fofo, né?

Felizes com a formatura do Tigrão, donos e alguns felinos comentaram a publicação.

Confira:

1. “Muito bom! Minha princesa também estuda tanto, que até dorme sobre o computador!"

2. “Se eu soubesse que podia levar humanos na formatura, tinha levado o meu.”

3. “Que? Eu podia levar minha mãe????”

4. “Parabéns ‘miaumigo’, eu vou fazer Direito junto com a minha escrava.”

Quantos gatinhos estudiosos por aqui! E há quem diga que eles só sabem comer e dormir...

Gatos estudiosos

Bem, parece que isso é mais comum do que imaginamos. Esses felinos aqui, por exemplo, chegam a disputar quem estuda mais. Confira:

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com