Ex-soldado morador de rua afirma que cadela adotada ajudou a 'salvar a sua vida'

Por
em Aqueça o coração

Há quatro anos, o ex-soldado e ex-morador da rua chamado Christian Lewis saiu do seu país de origem, País de Gales, para percorrer as mais diferentes regiões em busca da felicidade. E encontrou a alegria na Escócia ao se deparar com uma cadela de rua magro, que a nomeou Jet.

Esta vira-latinha, segundo o rapaz, o ajudou a salvar a sua vida.

O homem deixou a sua cidade com o intuito de lutar com seus problemas de saúde mental, pois acreditava ter falhado na vida. E com alguns trocados no bolso, partiu em busca de um propósito de vida e também para angariar fundos para uma instituição de caridade que muito lhe ajudou.

Essa fundação acolheu ele e a filha, pois ao sair do exército sem perspectiva para criá-la, ficou com medo de perdê-la para o serviço social. E agora que a filha ficou mais velha, o homem decidiu percorrer o Reino Unido para arrecadar fundos para quem tanto lhe ajudou financeiramente.

"Quatro anos depois, sou o homem mais feliz do mundo. Tenho 80.000 seguidores maravilhosos, angariei £ 206.000 (R$1.490.641,96) em doações e fiz tantos amigos que fiz ao longo do caminho", disse Christian ao Belfast Live.

O plano de ajudar a entidade ele alcançou, mas ele conquistou algo ainda maior que foi a amizade e o amor. A amizade veio em forma de uma cachorrinha magra, um pouco triste e tímida que encontrou abandonada.

O homem estava só na caminhada há nove meses e, quando viu a peludinha, não demorou para se conectar e espontaneamente ela passou a segui-lo. E a partir daí se tornou sua companheira da longa jornada.

“E foi só realmente quando Jet começou a andar comigo que comecei a perceber o quanto a companhia significa para mim e me ajuda".

Os dois passaram pelas mais variadas situações: conheceram pessoas, acamparam em lugares remotos, ficaram expostos as intempéries do tempo e entre outros. E dentre tantas dificuldades, um aprendeu a confiar no outro e não se separaram.

E depois de três anos de aventuras, Christian e Jet encontraram o amor na escocesa Kate Barron.

“Pensar que comecei minha caminhada pela costa do Reino Unido há quase quatro anos sozinho, só eu, minha bolsa e muita incerteza".

O ex-soldado que tinha um coração cheio de incertezas, agora, está completo e radiante por ter preenchido o vazio com dois amores.

O andarilho realizado com a sua jornada afirma que: 'a saúde mental é um dos piores problemas de saúde que temos porque não é visível e os fortes fingem que estão bem'. E que a melhor forma de superar é aceitar e pedir ajuda, e permitir-se encontrar o amor.

Veja também este vídeo:

Conheça a história do Zeus, o cachorro que VIRALIZOU por gostar de ouvir música e dançar

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo