Cadela acolhe filhotes de gambás órfãos como se fossem seus e os leva para passear nas costas

Por
em Notícias
A história, ocorrida no Rio de Janeiro, mostra como temos muito a aprender com os animais!

A natureza animal é tão perfeita que faz com que eles amem uns aos outros independentemente da raça, cor, tamanho ou qualquer outra diferença que possa haver entre eles. Essa cadelinha, na sua infinita bondade, demonstrou isso ao receber e acolher de coração aberto os filhotes de gambás órfãos.

Os filhotes ficaram órfãos depois que a sua mãe foi atacada e morta por um cachorro, o caso ocorreu em Seropédica, Rio de Janeiro. Stephanie Maldonado, dona da cadela Pretinha, soube do caso e resolveu intervir socorrendo-os. Inicialmente a jovem tentou levá-los para um abrigo de animais selvagens, mas eles não puderam ficar lá porque o local já estava superlotado.

A alternativa encontrada, então, foi levá-los para a sua casa e cuidá-los por conta. A cadela Pretinha foi surpreendida - de maneira positiva - pela dona quando ela chegou com os filhotes em casa.

Pretinha não poupou afeto para os filhotes e passou a cuidar deles como se fossem seus bebês. “É muito bom ver todo o cuidado que ela tem com eles, lambendo-os o tempo todo e aninhando-os”, escreveu Stephanie.

Além de todo o carinho e a atenção prestada aos animais, Pretinha ainda faz questão de levá-los passear em cima das suas costas. Imagine que cena fofa! Esses filhotes não poderiam estar sob melhores cuidados, né?

Veja alguns momentos deles juntos:

Assim que os bebês cresceram, Stephanie devolveu os gambás a um centro de vida selvagem, onde eles poderiam viver suas vidas ao máximo e, claro, levando com eles o legado de amor e carinho dado a eles por sua mãe adotiva.

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com