Mochilas para gato oferecem mais conforto e segurança nos deslocamentos pela cidade

Por
em Notícias

Os gatos são animais que gostam de ter uma rotina bem definida, mas às vezes é necessário sair de casa ou viajar para outros destinos. Para tornar a viagem dele mais confortável, são necessários elementos que ajudem, e uma mochila para gatos é uma delas.

Existem diferentes mochilas no mercado, adaptadas a diferentes gatos e também de acordo com o tipo de viagem ou o meio de transporte que você vai usar.

Evolução

Se você precisar levar seu gato de casa para atividades como ir ao veterinário, fazer uma viagem ou levá-lo para a casa de um membro da família durante as férias, é essencial transportá-lo de uma maneira confortável e, acima de tudo, segura. Por isso, é cada vez mais comum que as pessoas as utilizem.

Segundo o site People, o que diferencia este transportador de animais de estimação dos demais é seu design inteligente e confortável - uma grande evolução quando comparados às gaiolas, canis e gatis.

Ele tem duas bolsas laterais e um bolso frontal com zíper que é perfeito para guardar guloseimas, uma garrafa de água, pertences pessoais e até sacos de lixo para cães.

Os cães e gatos agradecem!

O que considerar ao comprar uma mochila para seu gato

- Que as alças e as costas sejam acolchoados para que você possa carregar seu bichano confortavelmente.

- Que tenha durabilidade, pois é um investimento caro dependendo do tamanho e da marca.

- Deve ser simples e fácil colocar o gato na mochila e tirá-lo da mochila.

- Que seja seguro para manter seu gato protegido durante todo o tempo que estiverem juntos.

- O modelo triangular são boas para gatos menores, mas a forma quadrada ou retangular é boa para gatos maiores.

- Deve ter um bom sistema de ventilação para manter arejado a mochila.

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.