Após ser abandonado, gato vai até porta de vizinho e encontra o melhor lar que poderia ter

Por
em Notícias

Ao mudar de casa, uma família abandonou seu gatinho nas ruas de Virgínia, Estados Unidos, sem o menor cuidado. Apelidado de Ragdoll, nome de sua raça, o animalzinho andou sem rumo pelo bairro, sem saber para onde ir, até se alojar na frente de uma casa vizinha. Sem saber, o gato estava prestes a conhecer a melhor família de todas e que o amaria em um verdadeiro lar.

Ao perceber a situação, uma mulher ligou para sua colega de trabalho, Debbie Harris, a qual atua como voluntária adotiva, que prontamente concordou em cuidar do gatinho provisoriamente. A amiga explicou para Debbie que seu marido tinha alergia a gatos e que precisava da ajuda dela para encontrar um lar ideal para o bichano.

“Ragdoll é uma grande bola de penugem branca e o trouxe para casa. Ele é absolutamente magnífico”, disse Debbie ao portal Love Meow.

A mulher o levou até o veterinário para os cuidados necessários, descobrindo que possuía uma infecção respiratória, a qual foi devidamente tratada.

O gato de 5 anos foi encontrado em fevereiro de 2020, próximo ao Dia dos Namorados estadunidense, por isso agora se chama Valentino.

“Ele está fazendo jus ao seu nome e à reputação dos Ragdolls. Ele descobriu brinquedos, provavelmente pela primeira vez em muito tempo” disse Debbie, contente pela evolução do bichano.

Valentino recuperou rapidamente todas as suas energias e passou a correr por toda a casa!

Inicialmente, a ideia de Debbie era recebê-lo e encontrar a casa ideal para Valentino, mas parece que o gato tinha outros planos.

Valentino foi então apresentado aos outros gatinhos da casa, Jojo e Lil Man. Depois da fase de encontro, eles se aproximaram um pouco, mas Jojo, a malhada, fez questão de ser quem tomava todas as decisões.

"Minha família estava caindo rapidamente sob seu feitiço", afirmou Debbie.

Quando os gatos definiram seus papéis em casa, Valentino tornou-se muito próximo de Lil Man. De sua parte, Jojo só aparecia para supervisionar de vez em quando, como a chefe que era.

Valentino entrou no coração de sua nova casa e encontrou a família dos seus sonhos.

Debbie acrescentou:

“Valentino é um dos meus gatinhos adotados. No resgate de animais, me apaixonei e decidi adotá-lo eu mesma. Ainda tenho dificuldade em entender como uma família pode vender sua casa, embalar seus pertences e deixar seus animais de estimação para trás. Felizmente para ele, ele encontrou o caminho até mim.”.

Aparentemente, Valentino reconheceu que havia encontrado a família dos seus sonhos assim que entrou na casa de Debbie, e agora está muito feliz com quem o ama sem reservas!

Curiosidades sobre a raça de gatos Ragdoll

O gato Ragdoll é um animal incomum, eles possuem muitas qualidades e características e é por isso que a raça tem muitos seguidores e fãs. Conheça alguns fatos curiosos sobre eles:

  • Os Ragdolls são conhecidos por seus impressionantes olhos azuis brilhantes, embora nem todos desta raça os tenham.
  • Existem muitos mitos sobre esta espécie, dizem que os Ragdolls não têm medo, que são imunes à dor ou à apatia. Um problema para os veterinários, pois é muito difícil tratá-los sem encontrar a causa do desconforto.
  • Estes felinos são uma raça de companhia ideal para famílias com crianças e convivência com outros animais. Muitas vezes os Ragdoll são chamados de Puppy Cats porque seu comportamento é semelhante ao dos cachorros. Eles adoram perseguir humanos e até gostam de brincar com bola.
  • O Ragdoll atinge seu pleno desenvolvimento aos três anos de idade. Algo muito curioso é que o gatinho nasce quase branco. Quando eles crescem e mudam seus pelos, eles escurecem suas orelhas, seus rostos, suas pernas e sua cauda.
  • Uma limitação desta raça é que sua voz é fraca, raramente mia. O que pode representar um problema em caso deles estarem precisando de alguma ajuda.

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.