Gata deprimida por desmontarem árvore de Natal ganha presente especial

Por
em Notícias

Completamente apaixonada por árvores de Natal e qualquer outro objeto reluzente, a gata Ginger ficava deprimida toda vez que a temporada natalina acabava em sua casa.

O Natal é uma das épocas mais esperadas pela gatinha que fica todos os dias embaixo da árvore quando ela está montada. No entanto, quando a árvore de Natal é desmontada, Ginger permanece no local, mas sem entender onde o seu objeto favorito foi parar.

“Ela adora como tudo brilha e se ilumina. Ela é muito gentil e nada destrutiva. Ela vai sentar-se debaixo da árvore todos os dias enquanto ela está erguida. Dizemos que ela é um 'belo presente'”, afirmou a dona, Sara Taylor ao The Dodo.

Buscando uma maneira de preencher o espaço vazio que ficava no coração de Ginger - e na sala de casa -, Sara Taylor comprou uma cápsula espacial na tentativa de fazer com que Ginger se sentisse igualmente acolhida no ambiente.

“Fiquei triste quando percebi que ela sentia tanta falta”, disse Sara. “Portanto, este ano decidi substituí-lo por algo especial.”

Felizmente, Ginger correspondeu à expectativa da dona e se situou harmoniosamente bem com o novo esconderijo.

“Ela ficou muito curiosa quando a cápsula espacial chegou. Ela muito pacientemente me observou montá-lo. Não demorou muito para ela querer explorá-lo uma vez que estava pronto e agora ela se senta nele diariamente. Ela adora!”, contou Sara.

Não é exatamente uma árvore natalina, mas tem ajudado Ginger a se manter distraída, entretida e habitável em um novo local, pelo menos até que o próximo Natal chegue.

Depressão em gatos

Os gatos possuem comportamentos diferentes. Alguns são brincalhões, outros agitados, uns são atrevidos e outros comportados. O certo é que cada um tem o seu jeitinho, se o dono perceber alguma mudança repentina no comportamento do gato, é bom ficar de olho, pode ser tristeza ou depressão. Esse sentimento é temporário, não precisa se alarmar.

vários motivos para o felino ficar deprimido. Eles se relacionam com familiares humanos e não humanos e podem sofrer quando a dinâmica do relacionamento é perdida, como o caso da gatinha Ginger que perdeu a sua árvore de Natal. Independente do motivo, certifique-se de dar-lhe tempo e atenção extras até que seu nível de felicidade melhore. E sempre mantenha em dia o acompanhamento do médico veterinário.

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com