Homem encontra cadela labradora perdida em montanha e a carrega por 10 km

Por
em Notícias

As redes sociais surgiram para nos alegrar (embora nem sempre seja o caso). Foi nelas que foi divulgado o resgate da cachorra labrador Neesha que estava perdida nas montanhas Wicklow, em Dublin (Irlanda), por duas semanas e já foi devolvida para seus donos.

A história foi contada por Jean-François Bonnet, através de sua conta no TikTok (@jeanfracoiswillem). Ele encontrou a cadelinha de 8 anos enquanto caminhava pelas montanhas junto a sua namorada. A cachorrinha estava passando tanto frio que o casal teve que emprestar alguns casacos para aquecê-la e carregá-la de volta por 10 quilômetros.

Ao chegarem em casa, a deitaram perto do aquecedor e contataram seus donos. Atualmente, a doguinha já está com sua família se recuperando do susto.

Confira o vídeo que já ultrapassou a marca de 120 mil curtidas:

A cachorra foi perdida no dia 23 de janeiro e foi achada no dia 2 de fevereiro.

Uma colega de trabalho da dona de Neesha, que se identifica como @joypatrica, postou a história no Twitter, no qual ele rapidamente ultrapassou 30 mil curtidas na rede. Na publicação, Patrica agradeceu o casal e as pessoas envolvidas na busca pela doguinha.

Aproveitando

Quais raças de doguinhos que podem viver nos climas gélidos dos polos? Aqui preparamos uma pequena lista para você saber qual amiguinho você pode levar caso tenha que morar no norte da Groenlândia ou no centro da Antártida:

  • Husky siberiano: esse era meio óbvio, quem nunca ouviu falar desses puxadores de trenó profissionais como o Gudanzinho!
  • São Bernardo: outro que não poderia ficar de fora, já que é conhecido como cão de resgate em avalanches;
  • Elkhound norueguês: esse doguinho da Noruega era muito usado como cão de caça para pegar cervos e era considerado a raça nacional do país;
  • Akita Inu: o cão samurai oriundo do Japão. Foi muito usado para caçar ursos, mas ultimamente ele exerce o papel de cão de guarda;
  • Chow-Chow: os peludinhos de língua arroxeada/azulada que vêm dos climas mais frios da China.

Fontes: Wikipedia, Petz, Meus Animais

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Estudante de jornalismo que é apaixonado por tudo que tenha super-heróis, dragões e faroeste (ele se pergunta todo dia quando que vai lançar um filme misturando os três). Gosta de ler, com um favoritismo em fantasia (por que será?) e adora ver séries em geral. Ama estudar sobre criatividade e sociologia. Tem uma doguinha perfeita e sem defeitos chamada Athena. Também gosta de cinema e matar tempo nas redes sociais vendo memes.