Gata grávida de olhos assustados que foi encontrada coberta de neve é resgatada

Por
em Notícias

Uma gata chamada Camila passava maus momentos quando foi encontrada por algumas pessoas. Nevava muito quando um carro passou por uma estrada de Indiana, nos Estados Unidos, e os integrantes perceberam um par de olhos assustados completamente coberto de neve.

Os passageiros desceram, se aproximaram e descobriram que se tratava da felina Camila, que por pouco, não morreu congelada. Imediatamente o grupo a resgatou e tentou mantê-la aquecida enquanto se deslocavam para o abrigo Catsnip Etc, um centro voluntário de resgate de gatos em Goshen, Indiana. Ela estava desnutrida, ferida e para a surpresa de todos, grávida.

“Ela era tão doce e amigável que nunca parava de ronronar. Acho que ele sabia que estava segura. Ela tinha escoriações e unhas ensanguentadas quando a pegamos. Não temos certeza do que aconteceu com ela antes de ser encontrada”, contou Missy McNeal, que faz parte da equipe da Catsnip Etc, ao Love Meow.

Felizmente ela estava finalmente recebendo a atenção e os cuidados necessários para se recuperar e ter um parto seguro. Lá, ela foi devidamente alimentada e pôde descansar sem ter com o que se preocupar. A equipe fez de tudo para deixá-la confortável e à vontade no ambiente para que quando chegasse a hora de dar à luz, ela estivesse segura.

Os gatinhos decidiram vir ao mundo mais rápido do que a equipe imaginou, apenas dois dias após o resgate da mamãe felina. Com a supervisão dos voluntários tudo ocorreu bem e ela deu à luz quatro lindos gatinhos.

“Estamos muito gratos pelas pessoas maravilhosas que pararam para buscá-la. Mamãe Camila tem muita sorte de estar segura e aquecida com seus bebês. Esperávamos tê-la por mais tempo e ter mais tempo para deixá-la saudável antes do nascimento dos bebês, mas isso não aconteceu. Agora estamos de plantão a cada duas horas”, relatou Missy.

Todos os bebês nasceram saudáveis e cheios de vigor, no entanto, por conta da desnutrição que Camila estava enfrentando, ela não conseguiu produzir a quantidade necessária de leite para alimentar os seus filhotes. Outra questão que, felizmente, pôde ser solucionada graças a ajuda dos voluntários do abrigo.

“No primeiro dia em que ela teve os bebês, ela ainda não nos conhecia muito bem, então quando íamos para o quarto dela, ela se sentava e os cobria para protegê-los. Agora que ela sabe que queremos ajudá-la e que só trazemos coisas boas, ela fica mais do que feliz em nos ver e deixar que vejamos os mais pequenos”, disse Missy.

Mesmo tendo enfrentado muitas dificuldades, Camila não poderia estar sendo uma mãe melhor para os seus filhotes, mas aprendeu a confiar e aceitar a ajuda da equipe do abrigo.

“Ela não se importa quando vamos ajudar a alimentá-los. Achamos que ela sabe que eles precisam de ajuda extra e parecem gratos. Ainda esperamos que, com uma boa nutrição continuada, Camila receba mais leite enquanto os bebês continuam tentando mamar”, reforçou a voluntária.

Ainda sim, ela faz questão de limpar um por um dos seus filhotes depois que eles se alimentam, afinal, ela é a mamãe deles.

Vídeo: gata prenha

Se você encontrou uma gatinha e não tem certeza se ela está prenha (termo correto para animais fecundados) o Perito Animal, canal voltado para conteúdos do reino animal que é elaborado por especialistas da área, traz 6 sinais de uma gata prenha e entre outra dúvidas. Confira!

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com