Gata recém adotada deita junto com cadela com insônia e a ajuda a dormir (vídeo)

Por
em Cães

O vídeo de uma gatinha confortando a sua amiga canina na hora de dormir é de arrebatar o coração.

Na última terça-feira, 29, Amelia Swiper que reside em Orono, Maine, Estados Unidos, flagrou uma cena muito fofa e compartilhou em um grupo do Facebook. A gatinha deitando-se ao lado da cachorrinha para ajudá-la a dormir.

Nada melhor do que encontrar conforto nos braços de quem amamos. E a cachorrinha Lyla encontrou amparo nas patinhas da felina Gwen.

Lyla, foi adotada e tem dificuldades para dormir. A família, para monitorar o seu sono, instalou uma câmera perto de sua cama para certificar-se que tudo ficaria bem a noite. O que eles não imaginavam é que seriam testemunhas de um momento tão terno.

Como lar temporário, Amelia ofereceu a residência para a gatinha viver enquanto não encontra um lugar amoroso e definitivo. A felina é a menor de sua ninhada cujos irmãos já foram todos doados. Mas, parece que a sua estadia na casa tinha outro propósito: consolar a amiga cadela.

No vídeo é possível ver Lyla deitada em sua caminha e a gatinha no sofá. Quando a felina percebeu que a cadelinha estava inquieta, pulou e foi em encontro a canina para deitar-se ao seu lado e acalmá-la. Que fofo!

"Esta pequena bebê sabe que sua grande amiga não se sente bem e quer ajudar", escreveu Amelia na publicação.

A peludinha não poderia desejar companhia melhor para dormir. Lyla, envolve a pequenina em suas patinhas e repousa a cabeça na cama e então finalmente consegue relaxar.

"Lyla parece gostar de ter um ursinho de pelúcia ronronando", finalizou Amelia.

A publicação obteve mais de 9 mil reações, 324 compartilhamentos e centenas de comentários de internautas encantados com a duplinha.

"Que anjo precioso", escreveu uma.
"Não merecemos os animais", comentou outra,
"Eu não queria chorar tão cedo, mas aqui estou eu", disse uma terceira emocionada.

Confira o momento:

Os cães podem perder o sono durante a noite por vários motivos.

Um deles é porque possuem a audição muito sensível e qualquer barulhinho pode chamar-lhe a atenção. O segundo, pode ser que o cão não esteja se exercitando e, assim, acumulando energia, o que o manterá acordado durante a noite.

O terceiro, é a ansiedade de separação ou solidão, depois que a família se recolhe. E por último pode ser uma condição médica, onde você deverá levar o pet para o veterinário fazer um diagnóstico.

Vídeo: Veja como está o pai que dizia que NÃO QUERIA CACHORRO

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo