Pit bulls abandonados em abrigo choram sempre que são separados

Os pit bulls Country e Zeus são irmãos literalmente inseparáveis: toda vez que alguém insiste em deixá-los longe um do outro, eles choram e ficam depressivos.

No início do ano, a dupla de seis meses de idade foram deixados em um abrigo por seu antigo dono, que afirmou não ter mais condições financeiras para cuidar deles.

Foto: SPCA
Foto: SPCA

Desde então, os pit bulls vivem no abrigo da ONG norte-americana SPCA of Winchester, Frederick and Clarke Counties e aguardam serem adotados - em conjunto, é claro.

“Eles são muito doces”, diz Lavenda Denney, diretora executiva da SPCA. “Eles gostam de dar beijos e são muito expressivos. Quando você caminha até seus canis, eles param de latir e inclinam a cabeça para o lado, para olhar para você.”

O gênio doce e amoroso dos cães os torna inofensivos. Em outras palavras, eles nunca dão problema, a não ser que alguém tente separá-los!

Foto: SPCA
Foto: SPCA

Quando isso acontece, mesmo que seja por pouco tempo, eles gemem e choram sem parar. Eles se amam muito e não têm medo de que todos saibam disso.

“Eles preferem estar um com o outro em todos os momentos”, diz Lavenda. “Eles dormem na mesma cama e procuram um ao outro quando vão sair para passear”.

Foto: SPCA
Foto: SPCA

Country e Zeus precisam ser adotados juntos. Os irmãos têm muita energia e amam todos que os conhecem. Os cães adoráveis só precisam de uma família, que esteja disposta a dar uma chance a ambos.

Esperamos que os doces pit bulls encontrem um lar amoroso muito em breve!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários