Vídeo: Pastor alemão espera ansioso por motorista de caminhão que leva uma guloseima para ele toda a semana; confira

Por
em Notícias

Em contramão da maioria dos cães, o pastor alemão chamado Jett não apenas se dá bem com o motorista do caminhão de lixo do seu bairro em Kamloops, Canadá, como espera ansioso por ele semanalmente.

A amizade entre os dois nasceu há cerca de um ano, quando o motorista Curt parou e perguntou ao dono, Derek Molter, se poderia dar um petisco ao simpático cão, o que claro, foi autorizado.

Desde então, a parada de Curt na residência Molter é obrigatória, especialmente para cumprimentar, acariciar e dar um petisco para Jett, que espera empolgado pela visita todas as semanas.

“Todas as semanas, quando estou em casa, deixo Jett sair e ele corre e se senta na grama, esperando pacientemente que seu amigo Curt pare e lhe traga uma guloseima”, disse Molter.

Veja o vídeo:

Nesse tempo, porém, houve alguns imprevistos e Molter não estava em casa quando o caminhão de lixo passou, fazendo com que o encontro entre os amigos não acontecesse. O motorista, no entanto, teve uma atitude que surpreendeu o dono do Jett.

Curt deixou um bilhete na caixa de correios da residência dizendo ‘olhe para dentro’ e quando abriu, Molter encontrou quatro petiscos referente aos dias de desencontros com Jett. Molter ficou tão emocionado com o gesto que postou fotos no Facebook, onde a publicação se tornou viral.

O dono de Jett resolveu retribuir o apreço à altura ligando para o departamento de resíduos sólidos da cidade para elogiar o motorista. “Falei com o supervisor do motorista para elogiar seu serviço acima e além”, declarou.

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com